quarta-feira, 4 de março de 2009

O que eu não sou pra ti...


Eu não durmo cedo contigo, por isso to aki essa hora esrevendo, no meu blog, que existe porque não sou reservada como tu és. A essa hora tu estas dormindo, porque amanhã te acordas cedo pra ir pra academia, e depois tens tantas coisas pra fazer, mas eu não gosto de academia, e tudo o que eu faço é de última hora. Eu não sou muito séria, o que explica as sessões fotográficas, os dadinhos, as matações de aula, os tragos, e tudo mais que ja aprontei contigo. Eu também não sou desleixada e é por isso que tenho uma consulta médica amanhã, e uma reunião importante na sexta. Eu não tô sempre disponível, e é por isso que sempre esqueço de carregar meu celular (nos dois sentidos), mas não sou imprevisível, o que explica as pessoas ligarem pro teu celular pra falar comigo. Eu não sou mulher pra ti, afinal eu tenho hora pra voltar pra casa, devo satisfações pro meu pai e não é sempre que posso dormir contigo. Mas também não sou mulher que tu possas largar, quem mais iria jogar Winning Eleven ou Guitar Hero, contigo? e ganhar?? Ou dançar no tapetinho, ou jogar twist, canastra, pife, etc. Eu não gosto do salgado. Não sou fã de churrasco todo dia. Não consigo não bagunçar a cama pra dormir. Não sou colorada (éca). Não sei fazer pipoca. Não enjôo de chimarrão. Não aguento ficar sem chocolate. Não preciso de óculos. Não me dou com os números. Não tenho medo de falar em público. Não gosto de manga. Não sei mentir. Não consigo ficar séria. Não me acordo feliz. Não sonho coisas boas. Não tomo muito leite. Eu não sou clara. Eu não faço sentido.

Isso é tudo que eu não sou pra ti, é tudo em que não nos completamos, tudo em que nos contrastamos, fácil listar. Difícil é dizer em tudo que a gente combina, em tudo que a gente se complementa, seriam necessários dias e dias de textos nesse blog. Mas no fundo não importa. Preto e branco ou cinza, nós sempre ficaremos bem juntos. Um básico que sempre vai dar certo. Porque o mais importante não da minha vida, é que eu NÃO vivo sem ti. ;@

5 comentários:

Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kanaan disse...

Sabe, eu pensei em dizer...e viva os opostos...mas nao só de oposto sobrevive um amor, é preciso tambem muita afinidade, principalmente p tolerar...o importante é que mesmo tao deferentes sabem tolerar e deixar em evidencia suas afinidades pa nao deixar a chama da paixao se apagar....

Tiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
KANAAN disse...

tem selo no blog p ti!

Josi Puchalski Sousa disse...

Que Lindo Janis!!! Amei. Adorei a forma como escrevestes, falando sobre os não. Mesmo na negativa, não tem como negar o amor de vcs, né???

Hehehehe

Muito legal!

Parabéns!!!